35 anos

A montra da Livraria Ler está ocupada com a sua exposição anual desde segunda-feira. Os destaques e as novidades recolheram-se para dar lugar aos livros proibidos antes de 1974, aos autos de apreensão da censura e a vários documentos. Trinta e cinco anos depois da Revolução dos Cravos, o dono da Ler confirma que há coisas mais importantes do que a novidade das montras. Não nos esquecermos, por exemplo. Nos tempos que correm, é mesmo o mais importante.

livler4

E agora vou até à avenida, festejar os 35 anos do 25 de Abril, reencontrar alguns amigos com quem dividi sonhos que só depois de 74 seriam possíveis, observar a rapidez com que as crianças vão nascendo entre um 25 de Abril e outro (é espantoso!) e agradecer a todos os que, independentemente do modo como estavam organizados, ajudaram à chegada do tal “dia inicial inteiro e limpo”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s