Correntes d’Escritas 2010: Sétima mesa

Sob a batuta de Ivo Machado, o poeta que valter hugo mãe queria ter no GPS, João Manuel Ribeiro, Leonor Xavier, Malagnatana, Manuel Jorge Marmelo e Gonzalo Celorio discutem sobre se “a literatura perverte a imaginação”. A intervenção de Manuel Jorge Marmelo afirma-se céptica, mas confirma a superstição, quando o autor conta que cancelou uma ida a Cabo Verde depois de algumas peripécias com o voo, e que, quando finalmente lá foi, acabou por se ver instalado na residencial onde o personagem do livro que estava a escreve ficava detido em prisão domiciliária, e encontrou uma mulher, mindelense, que era a cara chapada de uma das suas Sereias do Mindelo. Malangatana, apresentado por Ivo Machado como ‘o ajudante de Deus’, conta uma das suas histórias e acaba a sessão a dançar, protagonizando mais um episódio que tão cedo não sairá da memória dos que o presenciaram.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s