Azul-Corvo

Adriana Lisboa
Azul-Corvo
Quetzal

Se em Rakushisha Adriana Lisboa desmontara a ideia feita da viagem como elemento facilitador da escrita, desfazendo lugares-comuns ao ritmo dos versos do poeta japonês Matsuo Bashô, em Azul-Corvo encena-se uma espécie de road book que não é mais do que a grandiosa travessia de uma adolescente em direcção à sua identidade. E grandiosa não porque seja épica, mas porque os seus passos incluem a construção de uma memória marcada pela noção constante de que a imensidão do mundo, a perenidade da vida ou as gloriosas narrativas que vamos criando para nos sentirmos humanos são tão insignificantes perante o passar do tempo como essenciais para que consigamos passar, tão incólumes quanto possível, por esse mesmo tempo, pertencendo, por direito, a alguma coisa – um espaço, uma família, uma ideia.

É Evangelina quem narra a sua história, cruzando a morte da mãe, a saída do Brasil para os Estados Unidos, em busca do pai, e o encontro com Fernando, ex-marido da mãe que um dia perfilhou Evangelina para que não lhe faltasse um nome paterno na certidão. Deste encontro nascem outras memórias, alheias e logo apropriadas, da guerrilha contra a ditadura brasileira à constatação de que uma árvore genealógica nem sempre cresce a partir do sangue. E nascem reflexões várias, porque Evangelina é uma narradora exímia em fazer desfilar dúvidas e vontades numa catadupa sintáctica e estilística impressionante, reveladora do estilo muito reconhecível de Adriana Lisboa, uma falsa (mas bela) fragilidade verbal a envolver frases de assombrosa violência telúrica.

Sara Figueiredo Costa
(publicado na Time Out, Agosto 2012)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s