Leituras: O estranho caso editorial de Paulo José Miranda

Em 1999, o autor de Natureza Morta era distinguido com o primeiro Prémio José Saramago. Apontado por muitos como uma esperança literária da década de 90, Paulo José Miranda publicou mais alguns livros em português antes de desaparecer misteriosamente da cena editorial. Num artigo que bem podia ser case-study dos estranhos meandros da edição nacional, Joana Emídio Marques, do Diário de Notícias, recupera o rasto do escritor, que vive no Brasil e continua a cumprir o seu desígnio, escrever, mesmo que não tenha havido muitas editoras interessadas em publicá-lo nos últimos tempos. Para ler aqui.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s